Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Anita Descomplica

Organizar nunca foi tão fácil. Complica? A Anita descomplica!

Anita Descomplica

24
Mai17

Dicas de decoração para quem tem animais

Anita

0.png

 

Quem tem animais em casa sabe: Eles são membros da família que se assemelham aos bebés porque temos que ter alguns cuidados na decoração da casa em função deles. 

 

Confira algumas dicas de decoração para quem quer manter a casa bonita e em ordem mesmo com animais.

 

1. Esqueça os tapetes caros

 

1.jpg

 

Lá em casa nem caros nem baratos, os tapetes foram banidos por exigência do "minorca lá de casa". Como ele não conseguia lidar com o fato de existirem tapetes (onde fazia questão de fazer sempre o seu xixizinho) os tapetes foram banidos. Se mesmo assim quiser manter os tapetes (apesar dos xixizinhos e das arranhadelas) opte por modelos mais económicos e dê preferência aos de pelo sintético ou de sisal. Caso tenha um tapete caro, porque não adaptá-lo à sua parede criando uma maravilhosa tela?

 

2. Opte por pisos resistentes 

 

2.jpg

 

Pisos laminados, de pedra ou de cerâmica são mais fáceis de limpar e manter do que um piso de carpete. Além disto, estes materiais são mais frescos em dias quentes o que proporciona um alívio para os nossos companheiros de quatro patas quando o calor aperta. Se tem um animal idoso, não opte por pisos escorregadios pois dificultam-lhe bastante a locomoção e podem causar acidentes. Se já for o caso em sua casa, adicione ao seu chão tapetes anti-derrapantes para lhes facilitar a vida. Afinal, ele agradece-lhe todos os dias com o amor que lhe dá!

 

3. Proteja as peças frágeis

 

3.jpg

 

"Oops...". Esta palavra não gostamos nada de ouvir mas muitas vezes acho que a cara de alguns animais dizem isso mesmo! Por isso, se tem um jarrão caro ou com valor sentimental, lembre-se que os animais, enquanto estão na brincadeira, não medem as consequências dos seus atos. Por isso mais vale prevenir do que remediar e proteja as peças mais frágeis para não as transformar em cacos. Para poder exibir as suas peças favoritas sem medo, coloque-as em cristaleiras com vidros resistentes e à prova de animais eufóricos.

 

4. Escolha a tinta certa

 

4.jpg

 

Sabia que a tinta acetinada é bem mais fácil de limpar e resistente a manchas? Será a tinta adequada quando o seu cão acabar de chegar do seu passeio e lhe saltar contra a parede.

 

5. Escolha um tecido resistente para o seu sofá

 

5.jpg

 

Sabe tão bem quando o Kikos (o minorquinha aqui de casa) fica enrolado em nós no sofá enquanto vemos televisão. Ele (felizmente!) não larga pelo mas quando tem as patinhas sujas é no sofá que gosta de as limpar! Por isso, na hora de comprar o seu sofá opte por pele (mas não sintética porque eles destroem-na em três tempos) ou de forma mais económica por tecidos lisos como o chenille ou a sarja.  

 

6. Tenha um espaço divertido para o seu amiguinho

 

6.jpg

 

Os animais são como as crianças, gostam de se divertir e precisam de estímulos para se desenvolver, especialmente os gatos que são curiosos e aventureiros e para tal é preciso criar um espaço com desafios para eles se poderem entreter sem ser com a lateral do sofá da sala. Procure integrar móveis especiais para gatos (como torres e escadas) com a decoração lá de casa adaptando a casa para todas as espécies que fazem parte da família. 

 

Se não tem um animal em casa mas gostaria de ter leia "Passos para adotar um animal de estimação"

 

E vocês, têm animais em casa? Como foi a adaptação quando eles chegaram?

Partilhem comigo!

 

(Imagens retiradas da Internet)

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

Em destaque no SAPO Blogs
pub