Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Anita Descomplica

Organizar nunca foi tão fácil. Complica? A Anita descomplica!

Anita Descomplica

28
Abr17

Dormir bem... Acordar melhor!

Anita

0.png

 

Uma boa noite de sono é essencial para recarregar energias, melhorar a memória, afastar doenças e até mesmo auxiliar o processo de perda de peso. Se sente que anda a comprometer o seu descanso noturno confira comigo 20 dicas para dormir bem e acordar ainda melhor!

 

 

1. Planeie o dia seguinte

 

1.jpg

 

Não se vá deitar sem antes planear o dia de amanhã. Anote tudo num bloco de notas e durma mais tranquilo durante a noite pois já está preparado para o dia seguinte. Desta forma irá acordar mais relaxado em vez de preocupado e tenso.

 

2. Organize rapidamente a desarrumação

 

2.jpg

 

Tire 10 minutos todas as noites para arrumar a casa rapidamente. Apenas 10 minutos irão ajudá-lo a reduzir os níveis de stress todas as manhãs e ainda lhe darão a sensação de casa organizada assim que acordar. Não é necessário fazer uma limpeza da casa, atenção, basta guardar no sítio os objetos que se encontram desarrumados.

 

3. Prepare o pequeno almoço

 

3.jpg

 

Prepare o seu pequeno-almoço na noite anterior para economizar tempo de manhã. Poderá deixar já a mesa posta com a loiça e os produtos que não precisam de estar no frigorífico, colocar o café na máquina, a água no fervedor ou cortar a fruta e deixá-la tapada no frigorífico. Poderá ainda preparar overnight oats (*temos que falar sobre isto!!*) e terá um pequeno-almoço saudável e já preparado para toda a família prontinho pela manhã.

 

4. Coloque tudo o que precisa perto da porta de entrada de casa

 

4.jpg

 

Para além de preparar a sua roupa na noite anterior, deverá ainda reunir todos os itens que serão necessários no dia seguinte de manhã (tais como a sua mala, sapatos, óculos, chaves, tablet) e colocá-los no móvel à entrada de casa para que não perca tempo à procura deles (ou ainda pior... que se esqueça deles!).

 

5. Escolha a sua roupa na noite anterior

 

5.jpg

 

Ainda esta semana falámos deste tema por isso faça a si mesmo um favor e separe a sua roupa sempre na noite anterior (incluindo os acessórios) não se esquecendo de verificar se alguma peça precisa de ser passada a ferro.  

 

6. Torne o seu quarto um espaço confortável

 

6.jpg

 

Há quem goste de dormir completamente às escuras e quem prefira que a luz entre pelas janelas logo pela manhã. Descubra o que funciona melhor para si e prepare o seu quarto nesse sentido. Escolha ainda roupa de cama de qualidade e confortável para se sentir aconchegado todas as noites e verifique se o quarto se encontra a uma temperatura adequada. Muito importante ainda é a qualidade do seu colchão e da sua almofada bem como a higienização dos mesmos.

 

7. Deite-se sempre à mesma hora

 

7.jpg

 

Tente evitar variações no horário de se ir deitar. Se criar uma rotina para dormir irá dormir muito melhor. Isto aplica-se essencialmente ao fim-de-semana pois nestes dias acabamos por prolongar as horas em que estamos acordados.

 

8. Beba uma bebida quente antes de se deitar  

 

8.jpg

 

As noites ficam mais quentes e nem sempre apetece beber bebidas quentes, no entanto se o fizer antes de se deitar e se optar por um chá calmante (como o de camomila, por exemplo) aumentará os níveis de glicina, um neurotransmissor inibitório do sistema nervoso central e dormirá mais relaxado. Não se esqueça ainda de cortar no café e outras bebidas estimulantes algumas horas antes de dormir para que não tenha um sono agitado.

 

9. Evite o uso de tecnologia

 

9.jpg

 

Evite a exposição ao uso de tecnologia pelo menos uma hora antes de se deitar. A exposição a ecrãs inibe a produção de melatonina, responsável por induzir o sono, por isso nada de ficar agarrado ao telemóvel antes de adormecer!

 

10. Não coma antes de ir para a cama

 

10.jpg

 

Evite comer minutos antes de ir dormir e mantenha o espaço de pelo menos uma hora entre a última refeição e a hora de ir deitar.

 

11. Pratique exercício físico

 

11.jpg

 

Praticar exercício físico com regularidade contribui para o bem estar físico e mental e facilita noites de sono de maior qualidade.

 

12. Evite beber álcool e fumar 

 

12.jpg

 

Evite o consumo de álcool e tabaco no período noturno. Estas substâncias podem transmitir a falsa sensação de relaxamento mas são na realidade estimulantes provocando-lhe um sono mais agitado. 

 

13. Durma sem roupa

 

13.png

 

Segundo a Academia Americana de Ciência do Sono, quem dorme sem roupa tem um sono mais profundo e relaxado uma vez que o uso de pijama e roupa interfere com o mecanismo de temperatura do corpo provocando insónias.

 

14. Não abuse na água antes de se deitar

 

14.png

 

Beber água: Sim! Beber muita água à noite: Não! Não abuse da água à noite para evitar ter que se levantar a meio da noite para ir à casa de banho, interrompendo assim o seu período de descanso.

 

15. Tome um banho relaxante

 

15.jpg

 

Procure tomar um banho relaxante e morno antes de ir dormir e se possível passe um creme hidratante pela pele antes de se deitar permitindo-se uma automassagem relaxante.

 

16. Não leve o trabalho para a cama

 

16.jpg

 

Evite levar qualquer documento de trabalho para a cama. Antes de dormir abstraia-se completamente do seu dia de trabalho e permita-se relaxar.

 

17. Faça amor antes de dormir

 

17.jpg

 

O ato sexual antes de dormir relaxa e liberta o stress fazendo com que as pessoas envolvidas deixem de pensar no que fizeram durante o dia.

 

18. Evite o snooze pela manhã

 

18.jpg

 

Evite ficar "só mais 5 minutinhos" na cama. Assim que acordar, levante-se logo. Porquê? Quando estamos prestes a adormecer, a serotonina é libertada no corpo, responsável pela sensação de relaxamento que temos antes de adormecer, depois disto atravessamos um sono profundo e em seguida voltamos a entrar num sono leve enquanto o organismo se prepara para acordar. Esta preparação envolve a libertação de dopamina responsável por nos acordar e tentar acabar com a sensação de sonolência. Quando o alarme toca de manhã, a dopamina domina o nosso organismo, no entanto, se pressionarmos o botão snooze e voltarmos a adormecer iniciamos um novo ciclo de sono, deixando o organismo bastante confuso. É precisamente esta confusão de químicos e de entradas e saídas em ciclos de sono que nos provocam a sensação de desorientação e má disposição ao acordar e que nos impede de acordar com a sensação de energia renovada.

 

19. Espreguice-se, pela sua saúde

 

19.jpg

 

Alongar-se ou esperguiçar-se ao acordar permite que o sangue flua pelo corpo, liberta endorfinas, evita dores de cabeça e lubrifica as articulações.  

 

20. Faça a cama todas as manhãs

 

20.jpg

 

Fazer a cama todas as manhãs proporciona-nos sentimentos de realização, ordem e produtividade essenciais para que o nosso dia comece da melhor maneira. 

 

 

E você, dorme bem?

Que técnicas usa para dormir melhor?

 

 

 

 

26
Abr17

Como se vestir com eficiência

Anita

0.png

 

As suas manhãs são a parte mais stressante do seu dia? Se sim então está na hora de rever não só o seu roupeiro mas também a sua forma de pensar!

 

A forma como nos vestimos diz muito sobre a nossa personalidade e muitas vezes é o modo como nos mostramos ao mundo e consequentemente como gostariamos de ser avaliados mas por vezes colocamos muita pressão sobre isto tornando a tarefa de nos vestirmos mais complicada e frustante do que deveria ser na realidade.

 

Podemos tornar as nossas manhãs menos perturbadoras sem comprometer o nosso estilo pessoal se anteriormente utilizarmos algum tempo a descartar as peças que não queremos mais e a reavaliarmos o nosso roupeiro de forma consciente mantendo apenas o que realmente amamos e usamos.

 

 

1. Antes de mais é importante saber exatamente onde tudo está

 

1.jpg

 

A melhor forma de se vestir com eficiência é ter um roupeiro organizado. Se tudo estiver em ordem e no seu devido lugar não irá perder tempo a procurar "aquela" blusa ou "aqueles" sapatos específicos. Se todas as suas roupas e acessórios tiverem um lugar próprio, a tarefa de escolha será muito mais fácil retirando mais de metade do stress associado à tarefa de vestir.

 

2. Mantenha o seu guarda-roupa o mais simples e versátil possível 

 

2.jpg

 

Quanto mais opções temos mais difícil é a escolha. Acontece com o nosso vestuário como em tudo na vida. Assim, quanto mais roupa tiver e quanto maior for o número de detalhes da sua roupa mais difícil será a sua rotina de vestir. Se o seu guarda-roupa for composto por peças simples e versáteis, combináveis entre si terá muito mais opções e o processo de vestir será agilizado.

 

3. Use e abuse dos acessórios

 

3.jpg

 

Transforme peças básicas de vestuário com o uso de jóias, malas, sapatos, lenços, relógios (vale tudo!) tornando o seu look bem mais interessante e não comprometendo a simplicidade do seu guarda-roupa.

 

4. Separe as roupas com antecedência

 

4.jpg

 

Separe a roupa na noite anterior em apenas alguns minutos ou dedique um pouco de tempo do seu fim-de-semana a coordenar a roupa e acessórios para a semana seguinte. Para isso basta verificar a metereologia e os compromissos que tem na sua agenda e coordenar cinco conjuntos de roupa (de segunda a sexta-feira) para a sua semana de trabalho. Coloque cada combinação num cabide e volte a colocar no roupeiro de modo a que, de manhã, seja apenas necessário retirar o cabide e vestir-se. Menos stress, certo?

 

5. Vista-se em camadas

 

5.jpg

 

Se o clima da sua cidade for assim meio incerto (como é aqui em Sintra!) use um casaco mais pesado por cima de toda a roupa para sair à rua. Por baixo vista uma roupa mais leve e tenha sempre à mão um casaquinho de malha para o caso de trabalhar em locais com ar condicionado.

 

6. E por último, mas não menos importante, limpe o seu roupeiro com frequência

 

6.jpg

 

Livre-se, de uma vez por todas, de todos os itens do seu roupeiro que não gosta, não usa ou que estão danificados. Destralhe! Mantenha, por exemplo, um cesto ou um saco dentro do roupeiro e sempre que possível reveja as suas peças novamente para não deixar acumular e lembre-se de aplicar a regra de quando entra uma peça nova outra deverá sair.

 

Tem mais ideias?

Partilhe-as comigo! Deixe um comentário.

 

 

 

24
Abr17

Erros comuns na Limpeza da Casa

Anita

0.png

 

Manter a casa sempre limpa não é uma tarefa fácil. Para que tal aconteça é preciso muito esforço físico e sobretudo muita dedicação. Mas por vezes, a limpeza torna-se de tal forma automática que acabamos por cometer erros que, em vez de ajudar, acabam por atrapalhar todo o processo.

 

Se prestarmos atenção a alguns detalhes podemos adquirir novos hábitos que permitam tornar a limpeza da casa mais eficiente ou seja alcançar um resultado melhor em menos tempo e com menos desperdício.

 

Veja comigo as próximas dicas e analise se pratica algum dos erros mais comuns na limpeza da casa para que os possa evitar de futuro.

 

 

1. Limpar de forma aleatória

 

1.jpg

 

Quando limpamos a casa conforme necessidade e sem qualquer tipo de planeamento acabamos por ter que escolher entre o que é mais e menos urgente. Desta forma algumas tarefas como limpar as janelas e os azulejos costumam ser negligenciadas o que faz com que a casa mantenha o aspeto sujo mesmo depois da limpeza ser efetuada.

Opte por ter uma rotina de limpeza com tarefas delineadas semanalmente, quinzenalmente e mensalmente para que a casa se mantenha sempre limpa.   

 

2. Ignorar a ordem certa da limpeza

 

2.png

 

Faz muita diferença a ordem em que se faz a limpeza sendo que um dos erros mais comuns é começar pela limpeza do piso. O ideal é sempre começar de cima para baixo evitando que a sujidade se deposite no piso já limpo.

 

3. Aplicação de produtos na área errada

 

3.jpg

 

O produto de limpeza errado pode desgastar os pisos e as bancadas e danificar a superfície dos móveis. Um dos erros mais comuns é achar que um produto multiuso serve para limpar toda a casa. Estes produtos devem ser usados apenas em superfícies laváveis como cerâmicas, plásticos e paredes e nunca em superfícies de madeira e metal. Atenção: usar produtos multi-uso em superfícies brancas amarela-as com o tempo por isso tenha bastante cuidado onde utiliza este tipo de produtos.

 

4. Não lavar os eletrodomésticos

 

4.jpg

 

Os eletrodomésticos poupam-nos bastante tempo e esforço na hora de limpar a casa, no entanto, se eles próprios não forem alvo de uma limpeza regular podem não só dificultar a limpeza como torná-la mais demorada. Sendo assim, higienize todas as semanas a sua máquina de lavar roupa e máquina de lavar loiça e lave ou troque o filtro do aspirador.

 

5. Atenção às bactérias

 

5.jpg

 

Manter a casa limpa é também assegurar que o ambiente não ofereça riscos à saúde. Parece exagero mas a verdade é que também em nossa casa estamos propensos a infeções e doenças caso alguns cuidados sejam ignorados. Por exemplo, para economizar o ciclo da máquina de lavar roupa é indicado colocar o máximo de roupa possível sem utilizar qualquer critério de separação. Errado!! As bactérias das roupas intímas não podem entrar em contato com a toalha de mesa, por exemplo. Da mesma forma, deve ter em atenção para não usar o mesmo pano de limpeza na casa-de-banho e na cozinha. Muito importante: não se esqueça ainda de higienizar a esponja do lava-loiça com frequência. Para isso, basta aquecê-la durante 1 minuto no microondas (não se esqueça de colocar meia chávena de água para proteger o emissor do microondas), permitindo a eliminação de cerca de 99% das bactérias presentes na esponja.  

 

6. Utilize os materias corretos

 

6.jpg

 

Se limparmos o pó com um pano velho provavelmente vamos ter que refazer a limpeza, da mesma forma que se limparmos uma carpete com a vassoura (em vez de usarmos o aspirador) iremos espalhar o pó pela casa toda. Separe os materias corretos a utilizar em cada divisão de modo a poupar tempo e evitar ter que recomeçar a limpeza. Invista num bom aspirador que possa ser utilizado nos diferentes tipos de piso, nas carpetes e sofás. Use panos de flanela para não riscar os móveis e escovas de tamanho adequado para os azulejos.  

 

7. Lavar as janelas em dias de sol

 

7.jpg

 

O limpa-vidros seca muito mais rapidamente quando exposto à luz direta do sol, resultando em manchas nas janelas. O ideal é fazer a limpeza das janelas ao final da tarde ou quando o céu estiver mais encoberto. Para acelerar a secagem passe um pano de microfibra após a limpeza.

 

8. Aplicar produtos diretamente nas superfícies

 

8.jpg

 

Só quando a superfície a limpar estiver realmente muito suja é que se deve aplicar o produto de limpeza diretamente. Na limpeza diária da casa opte por aplicar o produto de limpeza na esponja ou pano e esfregue. Isto impede que se deixem resíduos desnecessários que tornam as superfícies pegajosas e deixam marcas. Atenção: mais produto de limpeza não é sinónimo de uma limpeza mais eficiente. Respeite as dosagens previstas nas embalagens e evite deixar as superfícies com aspeto mais sujo do que estava antes da limpeza.

 

9. Fazer a limpeza sem luvas

 

9.jpg

 

A nossa pele é bastante absorvente e vai sugar qualquer produto que entre em contato. Mesmo os produtos naturais podem ressecar a pele. Evite as luvas de borracha ou látex: opte por luvas com o interior forrado a algodão que criam uma barreira ainda mais protetora e são bastante mais confortáveis.

 

10. Limpar manchas de carpete à superfície

 

10.jpg

 

Esfregar as manchas de urina dos animais, vinho tinto e café não é eficaz a longo prazo. Se não removermos o líquido da camada mais profunda ele eventualmente acabará por voltar à superfície. Assim que notar a mancha use uma toalha seca para absorver o máximo de líquido, em seguida ensope com água com gás ou água gelada e pressione novamente com outra toalha seca (pise o pano para potencializar a absorção) e repita o processo até que a toalha não fique manchada com a cor do líquido.

 

11.jpg

 

Conseguiu identificar algo que possa ser melhorado de forma a tornar a limpeza de casa mais eficiente?

 

Complica? A Anita Descomplica... 

 

 

10
Abr17

Regras de Ouro da Organização

Anita

0.png

Alguns hábitos podem realmente fazer a diferença para que se possa ter uma semana mais produtiva e uma casa sempre em ordem ao final do dia.

 

Claro que o processo de organização é muito particular pois cada família tem os seus próprios sistemas de organização e sabe como a organização funciona para si.

 

No entanto, de uma maneira geral, quem consegue ter a casa organizada passa, pelo menos por cinco das dez regras mencionadas aqui.

 

1. Rotina

 

1.png

 

Para quem não está habituado é realmente difícil seguir uma rotina nos primeiros dias, no entanto, os benefícios fazem valer a pena o esforço inicial. Levantar-se todos os dias já a saber o que se vai passar ao longo do dia evita um gasto desnecessário de tempo e dinheiro e permite-nos trabalhar com muito mais tranquilidade.

 

Leia também:

http://anitadescomplica.blogs.sapo.pt/como-criar-rotinas-em-casa-2561

http://anitadescomplica.blogs.sapo.pt/as-criancas-e-a-rotina-5179

 

2. Programe o dia seguinte

 

2.jpg

 

Durante um período de tempo mais tranquilo do seu dia pense no dia seguinte e veja se tem algum compromisso agendado para além dos que envolvem a sua rotina diária. Consultas médicas, reuniões de pais ou comprar um presente para alguém são algumas das atividades em que deve pensar. Anote-as na sua agenda. Basta cinco minutos de planeamento e não ficará nada por fazer ou sobreposto no dia seguinte.

 

3. Check List

 

3.jpg

 

Listas, listas, listas... São tão importantes para que não se esqueça de nada. Fazer uma lista de tarefas que tem que executar durante a semana ou mês permite que tenha uma visão geral dos seus compromissos, o que o ajudará a não deixar nada para trás e a evitar a procrastinação que surge, muitas vezes, por falta de clareza naquilo que é necessário executar prioritariamente.

 

4. Cada coisa no seu devido lugar

 

4.jpg

 

Cada objeto deve ter uma casa na sua casa. Lembre-se sempre disto. Isto evitará que perca tempo à procura de um objeto e ao mesmo tempo permitirá que todos os habitantes da casa saibam onde encontrar cada objeto caso necessitem.

 

5. Just do it!

 

5.jpg

 

Não serve de nada ter uma rotina completamente esquematizada e depois não a executar. A maior inimiga de uma casa organizada é a procrastinação. Claro que somos humanos e como tal há dias em que nos sentimos mais cansados e não nos apetece fazer nada mas quem permite que a procrastinação entre e se instale dificilmente consegue cumprir uma rotina anteriormente planeada.

 

6. Não acumule

 

6.png

 

Quando chega a altura de fazer uma limpeza geral em casa normalmente reparamos que temos objetos a mais, muitos deles que nem sequer utilizamos. Para não acumular roupa e sapatos a dica é: cada vez que entra uma peça nova, uma antiga deve sair. Para os utensílios da casa e papelada: tenha pelo menos um dia por cada semestre para dar uma arrumação e livrar-se do que não faz mais falta.

 

Leia também:

http://anitadescomplica.blogs.sapo.pt/destralhar-1930

http://anitadescomplica.blogs.sapo.pt/12-passos-para-uma-casa-livre-de-tralha-2483

 

7. Faça uma manutenção periódica

 

7.jpg

 

Devemos fazer uma manutenção da casa regularmente para evitar o desperdício (por exemplo com uma torneira que está constantemente a pingar), manter uma casa organizada (livrando-se dos aparelhos eletrónicos que já não funcionam) e mais bonita (por exemplo pintando os portões que têm a tinta a descascar).

 

8. Tenha as gavetas sempre organizadas

 

8.jpg

 

Sorte de quem tem mais de meia hora para se arranjar de manhã. A maioria de nós tem dez minutinhos que normalmente são passados a correr. Se não tiver as suas gavetas organizadas o resultado será espalhar metade da sua roupa entre o chão e a cama para encontar o que procura. Por outro lado, se as gavetas estiverem organizadas não só encontrará facilmente o que procura como terá também a vida facilitada na altura de arrumar as coisas de volta. Pense nisto: Lá por estar escondido, não tem que estar desarrumado. 

 

9. Peça ajuda

 

9.jpg

 

Sejamos realistas... Se tiver que cuidar da casa e da família sozinho(a) irá sentir-se muito mais cansado(a) e pedir ajuda não custa nada e tornará a vida muito mais fácil.

 

10. Não desista!

 

10.jpg

 

Se leu este post até ao fim, isso significa que tem interesse em ter uma casa mais organizada. Motive-se e não desista por mais que inicialmente o processo de organização pareça um bicho de sete cabeças. Acredite que com o tempo tudo será bem mais fácil e o seu dia-a-dia bem mais tranquilo.

 

Concordam?

 

Partilhem comigo as vossas opiniões.

 

Não se esqueçam... Complica? A Anita descomplica! 

 

 

02
Mar17

As Crianças e a Rotina

Anita

Sem Título.png

 

Criar rotinas é muito importante para o desenvolvimento das crianças.

Estas tornam o ambiente familiar seguro e saudável, sem grandes surpresas no decorrer do dia ou da semana e isso garante uma maior tranquilidade e confiança às crianças e evita que elas se sintam ansiosas.

 

Veja porque razões as crianças precisam de rotinas.

 

1. Rotinas tornam os dias mais agradáveis

Estar sempre atrasado, sair sem tomar o pequeno-almoço e constantes discussões e choro tornam, sem dúvida, os dias pouco agradáveis. Ter uma rotina pré-estabelecida faz as crianças mais felizes, facilita a aprendizagem e evita que os dias sejam tão cansativos. Mesmo quando algo corre menos bem, ter uma rotina ajuda as crianças a lidarem com os imprevistos.

 

59ecce094d50b581f45e3f4226fd416c.jpg

 

2. Rotinas evitam stress

Com a implementação de rotinas, as crianças estão mais propensas a ouvir, colaborar com as tarefas de casa e a não chorar ou fazer birras desnecessárias. Ter uma rotina pré-estabelecida evita longas batalhas para convencer as crianças a realizarem tarefas básicas como vestirem-se, lavar os dentes, tomar banho ou  fazer os trabalhos de casa. As rotinas evitam, assim, pequenas coisas que nos fazem perder o bom humor e que podem aumentar o stress de todos os moradores de casa.

 

3babc064ebf514167009dc97fb12b5fc.jpg

 

3. Rotinas estimulam a autonomia

Ter uma rotina ajuda as crianças a serem independentes e seguras pois, deste modo, ficam a saber o que irá acontecer todos os dias. Sair de casa sempre no mesmo horário, ter horários definidos para realizar os trabalhos de casa, ter horários certos para as refeições, ter horários para ir para a cama e para acordar e momentos para o lazer e brincadeiras permitem que as crianças executem as tarefas por conta própria, sem a necessidade constante de supervisão.

 

fc46f8ac671d3e29f95a475067e29df8.jpg

 

4. Rotinas desenvolvem o sentido de organização

Ter uma rotina ajuda as crianças a aprender a dividir melhor o tempo e desenvolve o sentido de organização. As rotinas são válidas para diversos momentos, inclusivé estabelecer uma rotina para a hora de brincar incentiva as crianças a organizarem os brinquedos após o término da atividade, o que ajuda a manter a casa organizada.

 

02cad16ccfa6c9966de70779cca87263.jpg

 

5. Rotinas ensinam responsabilidade

Ter uma rotina também ensina as crianças a se tornarem mais responsáveis e de acordo com a idade elas podem ajudar nas tarefas de casa como pôr ou levantar os pratos da mesa, colocar a loiça na máquina de lavar ou lavar a loiça, secar e guardar a loiça, estender a roupa, etc. Isto ensina que se a criança não executar a sua tarefa pode prejudicar o bom funcionamento das atividades de casa, como não ter a mesa pronta para refeição ou não ter a loiça limpa. O melhor é que após as tarefas serem concluídas, todos podem aproveitar o tempo juntos em família, porque ninguém foi deixado para trás a limpar a cozinha ou a tratar da roupa.

 

92494a6da5ff0b58cabde63c081e8fe7.jpg

 

6. Rotinas estimulam bons hábitos

A rotina faz parte da vida escolar e do trabalho, por isso é importante ter rotinas dentro de casa também. Ter uma rotina ensina as crianças a respeitar a autoridade dos pais e implementa hábitos saudáveis. As crianças são mais felizes sabendo o que esperar e sair da rotina, como durante um passeio ou uma viagem, torna os momentos especiais!

 

f54050969843ef51ec772108a06cd0c5.jpg

 

Concorda que as crianças precisam de rotinas?

Gostou das dicas?

Deixe um comentário.

02
Fev17

3 características das pessoas organizadas

Anita

Sem Título.png

 

Chega a casa e atira o casaco para cima do sofá ou pendura-o automaticamente no cabide? Quando lava a loiça, deixa-a a escorrer ou seca-a e arruma-a no seu devido local de imediato? Tem o roupeiro a transbordar ou só com as roupas que realmente usa? Preocupa-se com o seu futuro ou tem receio dele?

 

Descubra as três principais caraterísticas das pessoas organizadas.

 

1.  Pequenas rotinas

As pessoas orgaizadas têm pequenas rotinas que seguem automaticamente todos os dias para manter a casa em ordem. Todas estas pequenas rotinas como lavar a loiça enquanto se cozinha, separar a roupa que irão vestir no dia seguinte ou separar a correspondência assim que abrem o correio já estão de tal modo implementadas no seu comportamento que as tarefas são desempenhadas de forma automática.

 

2. Desapego emocional

Outra característica das pessoas organizadas, é que elas tem desapego emocional para bens físicos, o que faz com que valorizem os objetos pela sua utilidade prática sendo que, cada vez que algo não lhes é mais útil têm facilidade em desapegarem-se desse objeto não acumulando objetos que não necessitam mais.

 

3. Prudência

Pessoas organizadas pensam no futuro e têm sempre um Plano B para o caso de acontecer algum imprevisto.

 

Conhece mais características das pessoas organizadas? Considera-se uma pessoa organizada? O que acha que lhe falta?

Deixe um comentário!

 

 

 

 

30
Jan17

Como esticar o seu tempo

Anita

Sem Título333.png

 

Tanta coisa para fazer durante o dia e parece que o tempo não estica? Não sabe como gerir o seu tempo? Organizar o tempo é exatamente como organizar um espaço físico. Imagine um roupeiro: a quantidade de objetos é limitada devido ao espaço, no qual deve caber um determinado número de objetos. Um calendário é um espaço limitado em que temos que conseguir encaixar um certo número de tarefas. Cada dia e cada semana é simplesmente um recipiente, uma unidade de armazenamento com uma capacidade definida e limitada. O tempo não estica assim tão facilmente – o truque consiste em tratar o tempo, não como uma abstração, mas como algo sólido que pode manter ou mover.

 

Veja comigo 7 dicas que o vão ajudar a organizar o tempo e aproveitar melhor os seus dias.

 

1. Escreva a sua rotina

A primeira coisa a fazer para organizar o seu tempo é comprar uma agenda e anotar a sua rotina. Anote os horários em que acorda, quando vai dormir e tudo o que acontece entre este período durante uma semana inteira. A ideia é tornar visível como usa o seu tempo e assim olhar para os espaços escondidos e as tarefas que podem ser apagadas ou movidas.

 

2. Descubra o seu período mais produtivo

Gosta de madrugar ou é uma notívaga?  O que importa é usar o seu tempo mais produtivo para fazer os trabalhos que mais exigem de si. Faça o seu trabalho mais difícil e importante durante os períodos em que a sua energia está em alta e deixe as tarefas mais fáceis para os períodos menos energéticos.

 

3. Use o seu tempo com consciência

Lembre-se que pode preencher os intervalos das suas horas de trabalho e o tempo em que os seus filhos passam na escola ou em outras atividades com compromissos conexos. Pagar contas, limpar a casa, deitar fora o lixo, cuidar dos animais, fazer compras são tarefas que não se realizam sozinhas, mas pode encontrar um espaço na sua agenda para isso em qualquer dia. Por exemplo, pode pagar faturas via telemóvel enquanto espera que os seus filhos terminem a aula de dança, natação, inglês… pode realizar chamadas telefónicas enquanto está na sala de espera do médico. Organize-se de forma a fazer todas as suas atividades e serviços em locais próximos. Assim, a costureira, o supermercado, o ginásio e a escola, por exemplo, devem estar todos na rota entre a sua casa e o seu trabalho. Esteja sempre consciente do tempo que tem disponível. Quanto mais controlo exercer sobre os horários, maior será o domínio que terá sobre o rumo da sua vida. Procure sempre concentrar-se na tarefa que está a fazer no momento para que o seu tempo seja mais produtivo e organize o seu dia em blocos de 15 e 30 minutos para que o tempo seja mais rentável.

 

4. Desmarque compromissos

Se existir alguma tarefa na sua agenda que não seja necessária, desmarque e tenha mais espaço livre para compromissos mais importantes.

 

5. Adie por um tempo

Existe uma grande diferença entre procrastinar e adiar. Procrastinar consiste em evitar alguma atividade por ter medo de a fazer enquanto adiar é atrasar uma tarefa que está programada para um momento mais adequado e oportuno.

 

6. Não complique, simplifique

Se tem grandes planos como implementar um novo projeto, organizar fotos ou arquivos ou fazer uma grande organização na sua casa, mas não têm o tempo necessário para desempenhar estas tarefas, faça o básico que é cumprir os seus compromissos diários no trabalho ou em casa e vai ver que acabará por, mais cedo ou mais tarde, encontrar tempo disponível para realizar as restantes tarefas. Não complique, simplifique.

 

7. Delegue

Por vezes precisamos confiar noutras pessoas para a conclusão de tarefas ou projetos e pode ser difícil delegar tarefas mas se disser exatamente o que precisa os resultados serão alcançados.

 

Gostou das dicas para organizar o tempo? Deixe um comentário.

Complica? A Anita descomplica!

 

 

16
Jan17

Como criar rotinas em casa

Anita

Sem Título.png

 

Ter uma rotina é realmente importante e significa economia de tempo e sobretudo de dinheiro. Manter a rotina da casa torna os dias mais agradáveis, evita stress, desenvolve sentido de organização e estimula bons hábitos. 

 

Veja comigo como manter a rotina da casa.

 

1. Comece por organizar 

Antes mesmo de pensar em planear uma rotina, é necessário organizar a casa e livrar-se da tralha. A partir daí, estabeleça um lugar próprio para cada objeto na sua casa e verá que uma casa sempre organizada elimina 40% do trabalho que tem com ela.

 

2. Crie rotinas

A chave para manter a casa em ordem é criar rotinas do início ao fim do dia. Então, torne cada dia o mais previsível que conseguir e tente seguir a mesma programação todos os dias. Segundo Charles Duhigg “Os hábitos surgem porque o cérebro está constantemente à procura de formas de poupar esforços. Se for deixado por conta própria, o cérebro tentará transformar quase qualquer rotina num hábito, pois os hábitos permitem que as nossas mentes desacelerem com mais frequência” in O poder do hábito - Porque fazemos o que fazemos na vida e nos negócios. 

 

3. Escreva a rotina

Quando planifica e escreve a rotina, as hipóteses de se manter dentro do que está programado aumentam consideravelmente. Posto isto, escreva a rotina da casa, crie um menu semanal e uma rotina de limpeza.

Pequena dica: A rotina da manhã pode inclui arrumar as camas e organizar os pontos mais desarrumados da casa. A rotina da tarde pode incluir a preparação do jantar e ajudar as crianças nos trabalhos de casa. A rotina da noite pode incluir a organização da cozinha e lavagem da louça do jantar.

 

4. Tenha uma check list

Ter uma check list é ótimo para planear, organizar e manter tudo sob controle.

 

5. Estabeleça um calendário 

Implemente um sistema de diário da casa ou mantenha a sua rotina anotada na agenda do telemóvel. A chave para a organização diária está em ter uma rotina diária, um plano semanal, mensal, trimestral e semestral e organizar todas as suas tarefas num só lugar. 

Pequena dica: Uma casa com uma rotina está sempre organizada. Descubra qual é o melhor dia da semana para fazer cada tarefa da casa, pode ser apenas um dia da semana, ou um período durante o fim de semana ou ainda dividir em várias noites da semana. Experimente diferentes maneiras e descubra qual é que funciona para si.

 

6. Solicite ajuda das crianças 

Existem coisas que só nós adultos podemos fazer: tratar da roupa, limpezas mais a fundo ou mesmo as compras no supermercado. No entanto, para manter uma casa sempre organizada, pode e deve contar com a ajuda das crianças. Pode definir as tarefas de acordo com a idade de cada criança, ensinando a ter responsabilidade com suas coisas, como colocar a roupa suja no cesto, dobrar o pijama, guardar os brinquedos e organizar a mochila na noite anterior. As tarefas podem aumentar progressivamente conforme a idade das crianças. Elas podem contribuir para a rotina da casa como colocar a mesa para as refeições, tirar os pratos da mesa, lavar e guardar a louça, estender a roupa ou tirar o lixo do caixote. Estabelecer um rotina de interajuda não só vai ajudar a manter sua casa limpa e organizada mas também ensinar às crianças a importância da rotina e das responsabilidades.

 

7. Prepare-se na noite anterior

Prepare tudo o que precisa para o dia seguinte na noite anterior para ganhar tempo. Verifique a previsão do tempo para escolher as suas roupas e deixe já a sua mala organizada.

 

8. Tenha um sistema para tratar da papelada aí de casa

Tratar da papelada é uma coisa aborrecidíssima. Se não tiver uma rotina para o sistema de arquivamento, a papelada irá tomar conta da sua casa e espalhar-se por todo o lado. Uma casa organizada possui um sistema de arquivamento para todos os papéis e não guarda papéis sem necessidade. Atenção: Além disto, deverá analisar com regularidade os documentos expirados. 

Pequena dica: Uma forma que encontrei para controlar a papelada cá de casa foi optar por receber as faturas via e-mail, pagá-las via home-banking e armazenar comprovativos ou documentos de consulta no e-mail.

 

9. Mantenha a mesa de trabalho limpa

Deste modo estará preparada para o dia seguinte e será mais produtiva. Além disso, se tiver um sistema de arquivamento, armazenamento e gerenciamento será mais fácil agilizar as coisas enquanto trabalha.

 

10. Mantenha a despensa organizada

Outro ponto problemático na maioria das casas é a despensa ou o armário de alimentos. Isto acontece porque é uma zona que é visitada frequentemente por todos os moradores da casa e, consequentemente, é um dos locais mais desorganizados da casa. Para manter a despensa sempre em ordem e facilitar a vida de toda a gente agrupe itens semelhantes, tenha em atenção a validade dos alimentos e coloque aqueles que vão expirar sempre em frente, aplicando a regra "FIFO (First In First Out)", procure organizar os alimentos em fila e guarde o conteúdos dos pacotes abertos em potes herméticos .

 

Gostou das dicas de como criar rotinas para a casa?

Como fazem aí em casa?

Deixem um comentário.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

Em destaque no SAPO Blogs
pub