Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Anita Descomplica

Organizar nunca foi tão fácil. Complica? A Anita descomplica!

Anita Descomplica

16
Mai17

A Casa da Roupa Branca

Anita

0.png

 

Cá em casa está oficialmente aberta a época da roupa branca. Adoramos! O que não gostamos mesmo nada é quando ela fica manchada, sobretudo quando começa a amarelar (por mais que se lave!). Mas com o tempo, fomos aprendendo a tratar melhor da nossa roupa branca para mantê-la sempre bonita! 

 

Confira algumas dicas que garantem que a roupa branca se mantenha sempre branca.

 

1. Aspirina

 

1.jpg

 

Parece estranho, é verdade, mas a Aspirina não nos salva só da dor de cabeça. Este comprimido, na sua versão efervescente, é um verdadeiro milagroso no que toca a deixar a sua roupa sempre branca e, especialmente, a eliminar aquelas tão chatas manchas de suor! Junte três comprimidos num copo de água e coloque esta mistura na roupa, deixe atuar durante cerca de duas horas e em seguida lave normalmente.

 

2. Limão e Água Óxigenada

2.png

 

Corte rodelas de limão e coloque-as sobre as manchas das suas roupas brancas. Em seguida junte água, de modo a cobrir a roupa e uma colher de Água Óxigenada deixe atuar durante cerca de uma hora e em seguida lave-a na máquina de lavar.

 

3. Amoníaco e Água Óxigenada

3.png

 

O Amoníaco pode encontrar facilmente em qualquer drogaria e é um verdadeiro salvador da roupa no que toca a manchas mais difíceis (como sangue, por exemplo). Junte quatro gotas de Amoníaco e uma colher de Água Óxigenada a dois litros de água, deixe atuar na sua roupa durante cerca de duas horas e em seguida lave normalmente.

Atenção: O Amoníaco é um produto tóxico por isso utilize luvas de borracha e faça este processo num local bem ventilado. 

 

4. Detergente

 

4.jpg

 

Esta mistura não serve propriamente para eliminar manchas mas, sem dúvida, deixa as suas roupas mais brancas. Misture partes iguais de detergente em pó e detergente líquido e coloque esta mistura na máquina de lavar. Surpreenda-se com o resultado!

 

5. Limpa-vidros

 

5.jpg

 

Alguma vez sujou a sua roupa com tinta de caneta? Se voltar a acontecer, não entre em pânico! Coloque um guardanapo por baixo da mancha de forma a não molhar o tecido que estiver por baixo, coloque limpa-vidros sobre a nódoa e deixe atuar durante cerca de cinco a dez minutos colocando, de seguida, a roupa na máquina de lavar.

 

6. Gás de isqueiro

 

6.jpg

O meu marido passa a vida a sujar a roupa com óleo! Também acontece por aí? Se acontecer, deite um pouco de gás de isqueiro sobre a nódoa de óleo e espere que este evapore. Repita o processo até ver que a nódoa desapareceu e, em seguida, lave normalmente.

 

7. Giz

7.jpg

 

Manchas de gordura? Esfregue giz sobre as manchas, o giz irá absorver a gordura e em seguida lave a roupa normalmente.

 

8. Detergente, Água Óxigenada e Bicarbonato de Sódio

 

8.jpg

 

Outro problema chato que acontece muito ao meu marido: Manchas nos colarinhos. Para retirar estas manches misture quatro porções de Água Óxigenada, com duas colheres de detergente para a roupa e uma colher de Bicarbonato de Sódio, esfregue os colarinhos com o auxílio de uma escova de dentes e em seguida lave as camisas normalmente.

 

9. Ácido Bórico

 

9.png

 

Outro produto que encontra facilmente nas drogarias. Infelizmente hoje em dia há cada vez menos drogarias e fazem-nos tanta falta! O Ácido Bórico elimina as manchas de suor que se entranham na nossa roupa e que a tornam tão feia!  Misture uma colher de Ácido Bórico com água e coloque nas manchas deixando atuar cerca de quinze a vinte minutos. Em seguida lave a roupa na máquina de lavar e respire de alívio porque salvou uma peça de roupa! 

 

10. Pão de Forma

10.jpg

 

Esta dica é especialmente para as senhoras! Não se preocupem mais com as manchas de batom e maquilhagem na vossa roupa branca. Parece um pouco estranho, é verdade, mas tentem fazer uma bolinha pequena com o pão e pressionem sobre a mancha tendo o cuidado de não a espalhar. Em seguida lave a roupa normalmente e voilá, adeus manchas!

 

(Imagens retiradas da Internet)

Conheciam estas dicas?

Que outras utilizam?

Partilhem comigo!

01
Mai17

Como guardar a roupa entre estações

Anita

0.png

 

A mudança de temperatura significa que está na altura de guardar para o próximo ano a roupa e outros artigos que usámos durante esta estação.

 

Como ainda estamos na primavera é sempre importante deixar no roupeiro algumas peças para o frio (porque nunca se sabe quando pode precisar delas!), no entanto a maioria da roupa quente poderá já ser cuidadosamente armazenada até ao próximo outono (altura em que voltará a fazer a troca).

 

Comece por fazer a si mesmo as seguintes perguntas...

 

1.jpg

 

1. Basta-lhe ir buscar as roupas que tem guardadas do verão passado ou terá que fazer compras? (Esta pergunta aplica-se essencialmente a quem tem filhos pequenos a quem a roupa deixa de servir rapidamente)

2. No caso das crianças... Tem guardadas roupas de tamanhos maiores? Serão suficientes?

3. Que roupas precisa de comprar? (Se começou entretanto um novo trabalho ou se se inscreveu no ginásio provavelmente precisará de roupas específicas)

4. Pretende comprar roupa nova ao longo da próxima estação?

5. Tem espaço suficiente no seu roupeiro para guardar a roupa de verão ou terá que fazer melhor a seleção do que tem?

6. Precisa de doar roupa? (Principalmente a roupa das crianças que entretanto lhes deixou de servir)

7. Precisa de comprar mais cabides ou novas soluções de armazenamento?

8. Existe roupa que tem que ser lavada antes de ser guardada?

 

O processo de organização...

 

2.jpg

 

1. Pegue nas roupas guardadas da estação passada e classifique-as.

Separe as roupas de Inverno em quatro pilhas diferentes: Doar/Arranjar/Lavar/Guardar. Este primeiro processo será feito novamente no início do próximo inverno mas se o fizer agora irá não só reduzir a quantidade de roupa guardada como impedir que alguma roupa se estrague por ter manchas.

 

2. Guarde as roupas.

Para guardar a roupa opte, sempre que possível, por embalagens herméticamente fechadas que irão regular a luz e a temperatura e impedir o aparecimento de manchas, odores e humidade. Poderá armazenar a roupa em dois blocos diferentes: roupa clara (que tem que estar idealmente bem armazenada a vácuo pois é mais suscetível a sujar-se) e roupa escura (que deverá estar protegida da luz para não perder a cor). Guarde a roupa num local escuro, bem arejado, fresco e seco evitando garagens, arrecadações, sótãos e caves.

 

3. Faça uma lista das peças que precisa ou quer comprar.

Se fizer uma lista do que precisa ou quer comprar enquanto está a arrumar a roupa isto irá impedi-lo de comprar peças desnecessárias ou repetidas o que se manifesta numa futura poupança de dinheiro por isso não salte este passo.

 

4. Separe num saco as roupas que pretende doar.

Existem diferentes instituições a quem poderá ajudar por isso separe as roupa que quer doar e coloque o saco logo no porta-bagagens do seu carro para que não fique perdido ou esquecido em casa.

 

5. Arranje ou mande arranjar as peças da pilha "arranjar".

Falta-lhe um botão numa camisa ou precisa de fazer uma bainha? Trate disso o mais rapidamente possível para que possa guardar essas roupas.

 

6. Lave a roupa.

Embora provavelmente tenha que voltar a repetir este passo no próximo inverno a lavagem de roupa é essencialmente para retirar alguma mancha que possa ter. As traças e outras pragas são atraídas por nódoas de comida e de transpiração mais do que pelo próprio tecido. Se não forem corretamente tratadas, as pequenas nódoas podem nunca mais sair ou tornar-se mais escuras após o armazenamento. Não use amaciador de roupa, amido ou lixívia pois estes produtos atraem insetos. Nunca guarde a roupa sem que esta esteja completamente seca, a humidade devolverá bolor e este irá atrair insetos. O ideal é secar a roupa ao ar livre e se passar alguma roupa a ferro assegure-se que a mesma se encontra fria aquando do armazenamento. 

 

7. Limpe o roupeiro.

Limpe cuidadosamente o roupeiro onde irá guardar a roupa retirando todo o pó e sujidade e aproveitando para procurar eventuais presenças de humidade e bolor. Inspecione o roupeiro para se certificar que não tem insetos e aplique um produto de interior contra pragas respeitando o rótulo do mesmo.

 

8. Opções para repelir pragas e insetos.

A madeira de cedro repele as traças mas evite o contato do mesmo com a roupa para não a manchar (opte por colocá-lo dentro de meias ou collants). As bolas de naftalina também afastam as traças mas têm que ser usadas com bastante cuidado, principalmente se tiver crianças, pois provocam irritação cutânea. Para uma alternativa mais natural aos produtos convencionais de controlo de pragas opte por ervas secas, tais como a alfazema, a hortelã, o alecrim ou o cravinho, pois também constituem um bom repelente.

 

3.jpg

 

Preparar o roupeiro para a nova estação é uma tarefa bastante chata mas pense que só o faz duas vezes por ano e sempre é melhor do que ter o roupeiro a abarrotar de roupa sendo que alguma já nem usa e outras precisam de ser arranjadas por isso aproveite o feriado para iniciar esta tarefa difícil!

 

E vocês, costumam fazer a troca de roupa entre estações?

Como costumam fazer?

Deixem-me um comentário!

 

 

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

Em destaque no SAPO Blogs
pub